Retrospectiva literária | 2021 + Aviso

em 28 dezembro 2021

    Olá meu povo, como estamos? Hoje é a última semana do ano e, como de praxe, é época de fazer retrospectivas. Nessa época, paramos para fazer um balanço do ano, se fizemos tudo o que planejamos, o que ficou para trás, e se ainda dá para manter


Retrospectiva literária | 2021
Foto: Creative Commons/Pixabay



   Com os livros, não é diferente. E hoje, farei uma retrospectiva literária, com tudo o que aconteceu em 2021 nesse sentido. 



Retrospectiva literária | 2021




1. Livros físicos x Livros digitais


Esse foi o ano que mais li, em comparação com anos anteriores. Isso já me chamou bastante atenção. Nessa lista, não foi surpresa alguma ver que livros digitais se tornaram mais frequentes por aqui.
Talvez por ter mais acesso a obras de autores nacionais por esse meio, já que grande parte das parcerias também se dão por meio de ebooks.
Outra possibilidade seria a praticidade mesmo, já que leio mais rápido pelo leitor digital, todas as ideias são aceitáveis.


Retrospectiva literária | 2021



Mas o mais irônico foi que, com o sistema de trocas que comecei a usar no Skoob, a chegada de livros físicos por aqui aumentou consideravelmente, pois renovei praticamente toda a minha estante por esse formato e eram livros há muito desejados.
E, mesmo assim, ainda perderam feio para o ebooks em 2021.
Outra coisa que chamou bastante atenção entre os livros digitais, foi que comecei a expandir os horizontes e me rendi aos contos em 2021. Isso vindo da amante dos calhamaços, é um verdadeiro espanto (rsrsrs).

Retrospectiva literária | 2021



Mas notei que meus gostos mudaram muito ultimamente e passaram a dar mais voz a leituras rápidas e levinhas, que me ajudaram um bocado a manter o hábito da leitura em dia, especialmente nesse último ano de doutorado.
E, por incrível que pareça, o balanço entre contos e livros ficou mais equilibrado do que imaginei.

2. Autores nacionais x Autores estrangeiros


Quando o blog começou, eu já era leitora assídua, mas ainda torcia o nariz para leituras nacionais, já que na minha cabeça, os autores nacionais eram só aqueles benditos clássicos, que era obrigada a ler na disciplina de Literatura da escola.
Mas conforme o blog foi crescendo (e eu também como leitora), descobri obras nacionais incríveis, de gêneros que são bem minha zona de conforto, escritos por autores nacionais, muitos deles independentes.
Inclusive dei uma segunda chance para clássicos nacionais (graças à dona Babi Bueno) e comecei a olhar para alguns deles com bons olhos, talvez por não ser mais obrigada a ler, e sim porque era minha vontade.

Retrospectiva literária | 2021



Desde então, livros nacionais foram tomando espaço nas minhas escolhas. Mas eles ainda ficavam bem atrás dos livros estrangeiros, que por serem hypados, chamavam mais minha atenção (o que não significa que eram boas leituras).
Em 2021, para minha surpresa, esse jogo virou, pois o sonho antigo de ler mais nacionais se realizou, especialmente quando assinei o Kindle Unlimited e encontrei muitas obras nacionais interessantes.
Ainda com relação às leituras estrangeiras, 2021 foi marcado por leituras que saíram um pouco da caixinha, por se passarem em países que não costumam ser presentes nas minhas leituras, como Rússia ou Turquia, por exemplo.
Isso é uma característica que espero poder manter em 2022, até para conhecer culturas de outros países mesmo, além de Estados Unidos e Inglaterra (que são os mais frequentes por aqui).

3. Autores x Autoras


Outra coisa que já tinha notado é a presença de livros escritos por mulheres na estante, que aumentou esse ano, porém ainda não superou a quantidade de livros escritos por homens.

Retrospectiva literária | 2021



Até quando tentei fazer o #LeiaMulheres por aqui, acho que ainda não tinha muita noção de como lidar com um projeto desses, querendo tudo para ontem, e ele não rendeu como esperava que renderia.
Isso é uma coisa que gostaria de manter mais equilibrado em 2022. Quem sabe até o projeto volte, sendo mais amadurecido e sem um prazo definido para acabar.
Aliás, se tiverem dicas de obras escritas por mulheres (nacionais ou estrangeiras), aceitarei de bom grado (rsrsrs).


4. Melhores leituras de 2021 


   E, agora, o momento mais esperado (pelo menos por mim, rsrs) quando chega o final do ano. Sempre tem aquelas leituras que mais nos impactaram, seja positiva ou negativamente, durante o ano. 
   2021 foi de muitas descobertas, e confesso que foi bem difícil escolher apenas 10 livros para serem os melhores. 
   Mas a listinha saiu, e os felizardos foram: 


2. O cisne ferido - Francine Candido 

3. Mulher-Gato: Ladra de almas - Sarah J Maas 

4. Um amigo do outro lado - Carol Camargo 

5. Mar de sangue - Emerson Silva 

6. Novo Mundo em chamas - Viktor Waewell


8. O fim da infância - Arthur C. Clarke 

9. Dentes de dragão - Michael Crichton

10. Não confie em ninguém - Charlie Donlea

   
  A lista foi feita sem uma ordem de quem gosto mais ou menos. Cada um me impactou de alguma forma, e mereceu estar nessa lista, apesar de ter sido bem difícil escolher apenas 10 representantes (rsrsrs). Já tinham lido algum desses livros? 
  E essa foi a retrospectiva literária de 2021. Aproveitando, gostaria de dar um aviso, pois preciso urgente descansar minha cabeça. 2021 foi um ano bem pesado, devido às obrigações acadêmicas, fora as parcerias fantásticas que o blog conseguiu ao longo do ano. 
  Mas, apesar de feliz, me cansei um bocadinho, e preciso de um pequeno recesso. 
  Ano que vem estaremos de volta, com muitos projetos, leituras e experiências incríveis. 


Retrospectiva literária | 2021



  Aliás, aproveito para desejar a todos um 2022 muito maravilhoso, com muita saúde (principalmente mental) que estamos precisando bastante. 



   

44 comentários:

  1. O ano rendeu bastante por aqui, foram muitas leituras legais. Parabéns! E que ano que vem possa ser ainda mais produtivo ♥

    Beijos
    http://www.leiapop.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi Hanna.
    Fui citada no post , estou me achando agora , haha.

    Aí menina , eu preciso mudar um pouco o cenario das minhas leituras ,eu li apenas 14 livros nacionais em 2022 contra 50 e pouco estrangeiros.
    Eu sou uma vergonha... Quero ver se ano que vem eu mudo isso.
    Eu também tenho que ler mais meus livros físicos.Tem um monte encalhado na minha estante. Fiz um levantamento aqui em cada e descobri que cerca de 40% dos meus livros físicos eu ainda não li.
    Já indiquei um livro no Ibsta , mas vou indicar outro aqui.Se tudo ocorrer certo eu vou publicar meu livro em 2022 , fica a dica ,livro de autora nacional.

    Beijos amiga, feliz 2022 e espero que tenha aproveitado bem o seu período de descanso.

    Beijos

    https://mundinhoquaseperfeito.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah amiga, mas você leu bastante também, viu? Também gostaria de entender qual é o mistério que faz os livros físicos encalharem tanto na estante assim, haha. Espero poder ler mais nesse formato ano que vem. E meus parabéns desde já amiga, pode deixar que ficarei na torcida para que dê tudo certo com seu livro em 2022! =)
      Boas Festas!

      Excluir
  3. Oieeee....
    Eu simplesmente amei sua retrospectiva, arrasou demais ♥
    Eu li pouquíssimo esse ano, mas quero voltar a ter um ritmo legal em 2022, espero que dê certo.

    Ótimas festas e um 2022 cheio de coisas e leituras incríveis ♥
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tati, seja bem vinda! =) Que bom que gostou da retrospectiva, foi feita com muito carinho, viu? ^^
      Espero que 2022 te seja recheado de muitas leituras maravilhosas. ^^

      Excluir
  4. Oi, Hanna. Como vai? Muito legal a retrospectiva literária. Um Feliz 2022 pra você e sua família. Abraço!



    http://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Caraca, que retrospectiva completíssima!


    https://clebereldridge91.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Foi um ano literário e tanto pra você, não é mesmo? Estarei aqui quando retornar.

    Boa semana e Feliz Ano Novo!

    O JOVEM JORNALISTA está de volta! Não deixe de conferir os novos posts.

    Jovem Jornalista
    Instagram

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  7. Oi Hanna, eu adorei a sua retrospectiva e como uma boa pessoa de exatas adorei todos os gráficos ^^

    Pra mim esse ano foi dedicado a terminar a TBR e reler favoritos então ebooks quase não fizeram parte das minhas leituras, assim como autores nacionais. Mas em 2022 quero ler autores do nosso Brasil e sentir ainda mais conectada com as histórias.

    Abraços
    http://www.auniversitaria.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou desse formato! ^^ Eu também gostei bastante do resultado dos gráficos, hehe. Espero que consiga cumprir suas metas para 2022. ^^

      Excluir
  8. Oi, Hanna!
    Eu amei sua retrospectiva! Nesses últimos tempos eu nem sei o que é mais o que é um livro com mais de 100 páginas, virei adepta dos contos haha eles salvaram minhas leituras de 2021.
    Costumo ler mais autoras mulheres, mas acho que é porque leio muitos chick-lits e nunca vi nenhum homem escrevendo um chick-lit.
    Boa passagem de ano e um feliz 2022!

    Estante Bibliográfica


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Taí, eu também nunca vi um chicklit escrito por um homem... será que tem? #curiosa, hahaha
      Tenha um feliz 2022. =)

      Excluir
  9. Olá, Hanna.
    Que 2022 possa ser um ano de alegria e realizações nas nossas vidas e com muitas ótimas leituras hehe. Eu lio mais mulheres, mais nacionais e mais ebooks, mas isso tudo graças ao KU porque é o que mais tem por lá hehe. Eu leio ebooks mais rápidos do que os físicos, mas tem alguns autores que ainda quero ter na estante hehe. Dos seus favoritos eu só favoritei no ano que li Não confie em ninguém.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também espero ler bastante os livros físicos da estante em 2022, se bem que preciso fazer valer o valor do KU, pois estou usando menos do que gostaria.

      Excluir
  10. Oi Hanna, tudo bem?
    Adorei sua lista, mas ainda não li nenhum dos títulos que você citou.
    Esse ano eu escrevi mais do que li, então não vai ter retrospectiva de lidos, mas já preparei uma de escritos para ir ao ar dia 31/12!

    Beijos;
    Mente Hipercriativa | Universo Invisível

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas escrever também foi um saldo bem positivo, né? ^^

      Excluir
  11. Hanna, você leu muitooos livros tanto físicos quanto digitais.
    Vi esses dias uma menina no Instagram falando pra procurarmos livros que falem sobre situações que queremos melhorar em nossa vida, porque aí dá ânimo pra ler, já que no meu caso não gosto de livros de histórias fictícias. Achei a ideia legal para tentar no próximo ano.
    Feliz Ano Novo! Que 2022 seja incrível pra você! ♥

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu concordo, viu? O melhor é conseguir livros que nos deixam mais confortáveis, assim tudo flui mais fácil. =)

      Excluir
  12. Oi Hanna! Eu sempre leio mas livros físicos, mas este ano acho que ficou no empate. Que 2022 seja um ano de ótimas leituras e um ano excelente no todo para você. Feliz 2022!
    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  13. Oi!
    Também li mais livros digitais esse ano do que físicos, vira e volta leio um autor nacional auto-publicado pelo Kindle e faço a festa em sites como o Netgalley! hahaha
    Sobre autores internacionais também tenho a vontade de ler histórias de outros países, esse ano dei conta de ler alguns que se passam em diversos países asiáticos e a minha meta para 2022 é ler mais países latino-americanos!

    Beijão
    https://deiumjeito.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa, que legal Giovana! Espero que consiga também em 2022! =)

      Excluir
  14. Oie, eu amei sua retrospectiva e me parece que foram boas leituras. Espero que 2022 seja ainda melhor.

    Bjs

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  15. Você aproveitou bem o Kindle!!! Parabéns!!! Minha média de digitais esse ano foi uma vergonha!!! Achei massa o formato da tua retrospectiva, a forma como tu refletiu sobre as leituras: simples e acertiva, fiquei pensando sobre as minhas leituras tbm. Entre teu top 10 está um livo que pretendo ler em 2022: "O fim da Infancia" do Arthur C. Clarke.

    Feliz Ano Novo para você e sua família, que 2022
    traga coisas boas para você e os seus, inclusive boas leituras.

    Bom Recesso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, aproveitei bastante mesmo o kindle, ^^. E sobre O fim da infância, recomendo, viu? Tenha um feliz 2022, recheado de leituras incríveis.

      Excluir
  16. Amei a retrospectiva, eu percebi que também estou lendo mais ebook que livros físicos e acho que é uma tendência que só vai continuar. Eu nunca tinha parado para comparar s eleio mais mulheres ou homens, vou começar a prestar atenção nisso e em outros fatores.
    Tenha um ótimo ano novo
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que é uma tendência mesmo, até por questões financeiras, já que o ebook é mais em conta que o físico, né?

      Excluir
  17. Olá, Hanna.
    Primeiramente, feliz ano novo! Que esse ano seja de muita saúde e muita luz!
    Eu também li mais livros em formato e-book, acho que acabou tornando o acesso mais prático. Fiz também muitas leituras que me tiraram um pouco da zona de conforto, já que costumo ler mais romances e às vezes isso é bom, expandir os horizontes e conhecer outros gêneros.
    E também foi misturado, nacional e estrangeiro. Eu não costumo ligar muito pra isso, a sinopse me agradando... eu leio kkkk
    Mas é verdade, o tabu dos clássicos sempre fez a gente ter um pé atrás com literatura nacional. E é bem isso que você disse, quando a gente começa a ler os nacionais por vontade e não por obrigação, a coisa muda.

    Que venham mais e mais leituras esse ano!

    Beijos,
    Dear masen

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo Anni, quando passamos a ler porque gostamos, tudo muda. S2
      Que 2022 nos traga ótimas leituras também. ^^

      Excluir
  18. Oi Hanna,
    Feliz Ano Novo! Te desejo tudo de melhor em 2022!
    E fazendo uma análise... Acredita que eu só leio mulheres? kkkk é quase unânime na minha estante!
    beeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal Alê! Vou até aproveitar para pegar algumas dicas de autoras nacionais também, hehe.

      Excluir
  19. Amei ver um pouco da sua retrospectiva literária, eu postei no instagram, mas acho que vou trazer aqui para o blog também.
    Eu também li mais ebooks, apesar de ter comprado muitos livros físicos kkkkkkkkkkkk culpada.
    Que tudo que leu muitos nacionais, eu amo <3
    Da sua lista de favs não li nenhum, mas ja amei as dicas .

    Beijos,
    www.nandadoria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não te julgo Nanda... haha.
      A gente sempre acaba comprando mais livros do que consegue ler... hehe

      Excluir
  20. Olá Hanna,
    Sua retrospectiva ficou ótima! Fui lendo o post e me deu certa nostalgia. Quando comecei a ler e-books vivenciei muito desses números também, é incrível como a praticidade ajuda a ler mais, inclusive nacionais.
    Bom descanço!

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou. ^^
      E sim, ler na versão digital é bem mais rápido e prático, né? A lista de leituras aumenta absurdamente.

      Excluir
  21. Que legal, adorei seu post!
    Eu ainda tenho sido fiel aos livros físicos, não curto tanto livros digitais, mas adorei as suas estatísticas! Parabéns, que 2022 venha com novas leituras incríveis!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Felipe. Que 2022 também te seja incrível e recheado de boas leituras. ^^

      Excluir
  22. Olá!
    Amei ver os livros que você mais gostou durante o ano, achei muito bacana. Espero esse ano ler um pouco mais.
    Beijos.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou. Espero que consiga ler mais em 2022 também. ^^

      Excluir

Muito obrigada pela visita e seja sempre bem vindo(a) ao Mundinho da Hanna. A casa é sua e esteja à vontade para ler os posts e seguir o blog
Caso tenha um blog também, deixe o link. Vou adorar conhecer o seu cantinho também.
Por favor, leia os posts e seja gentil ao comentá-los. Comentários do tipo "segui seu blog, sdv" serão ignorados.

© Mundinho da Hanna | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.
Topo