Fragmentado

em 06 fevereiro 2020

   Olá meu povo, como estamos? Hoje eu vou fazer algo que há muito não temos por aqui: resenha de filme. E, para o retorno do quadro, temos Fragmentado, um filme que custei muito para assistir, mas que me marcou profundamente.


Fragmentado
Foto: Divulgação



Filme: Fragmentado

Ano: 2017

Gênero: Suspense, Terror

Duração: 1h57min

Kevin (James McAvoy) possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar.

Fragmentado



   Kevin é uma pessoa que realmente tem que ser estudada. Ele sofre de transtorno dissociativo de identidade (TDI). Mas ele surpreende por ter nada mais, nada menos, que 23 personalidades convivendo com ele! Essas personalidades vieram para a luz, como ele menciona, de acordo com fatos que foram acontecendo na vida do rapaz, ainda criança.
   Ter tantas personalidades assim, as quais aparecem com a força do pensamento, fazem com que Kevin seja uma pessoa a primeira vista instável, já que nunca sabemos qual a personalidade que está falando com você. E quando digo instável, é instável mesmo, tipo uma mulher de temperamento forte e violento, um homem que aparentemente é o líder de de todas as personalidades, uma criança brincalhona que ainda está descobrindo a vida... entre outros, todos vivendo na cabeça de um homem de 30 anos.

Fragmentado
Foto: Divulgação

   Pessoas assim são temidas pela sociedade, pelo comportamento psicopata e imprevisível. Mas não para a Dra. Karen Fletcher. A psiquiatra garante que pessoas com TDI são pessoas extraordinárias, já que permitem que outras pessoas completamente diferentes ocupem o mesmo lugar no espaço, vivendo no mesmo corpo. E que melhor objeto de estudo não seria do que o Kevin, com 23 personalidades completamente diferentes?
   Achei incrível que ela, mesmo com tantos outros pacientes, conhece exatamente cada detalhe de cada personalidade que convive com Kevin. Ela está prestes a se apresentar numa conferência em defesa de pessoas com TDI, alegando ter descoberto algo incrível, mas as coisas não acontecem como o planejado.
   Uma das personalidades de Kevin sequestra três meninas e as mantêm em cativeiro. Logo que ela acordam, percebem que estão em perigo. E ficam mais assutadas ainda quando, apesar de ser apenas um homem que fala com elas, a cada momento ele aprece com uma roupa e com um comportamento diferente. E afinal, ele está apenas se fazendo de doido para deixá-las também doidas? Aquilo é tudo alucinação? Ou é real?
   Além disso, fica o mistério de qual personalidade sequestrou as meninas. Pois se o corpo era de Kevin, ele deveria responder por sequestro e cárcere privado. Mas Kevin mesmo aparentemente nem sabe o que está acontecendo, enquanto suas personalidades estão apontando culpados entre eles. Quem de fato sequestrou as meninas? O que realmente eles querem com elas? As meninas foram escolhidas? Ou apenas foram pegas por acaso? Tem alguém procurando por elas?
   São muitos detalhes que vão aparecendo no decorrer do filme e que te deixam de cabelo em pé. O filme oficialmente tem quase duas horas de duração, mas achei ele tão pesado e complexo, que me pareceram mais do que 4h quando terminou... sério.


Fragmentado
Foto: Divulgação

   Eu até gosto de filmes complexos, mas nunca tinha visto um como esse. O elenco é incrível, a psiquiatra mantém um jogo de cintura, mesmo quando está lidando com uma personalidade mais agressiva. Ela faz de tudo para defender Kevin, inocentando ele das coisas que suas personalidades fazem.
   Mas até que ponto nosso cérebro é capaz de conversar com as leis da Constituição? Se lá temos provas de que uma pessoa estava cometendo um crime, e ela fala que não foi ela, mas uma outra personalidade e ela não lembra de nada, como provar perante um juri que você diz a verdade e não está apenas manipulando as pessoas ao seu redor?
   Eu sabia que esse filme estava no cinema, mas não queria ver sozinha. Coincidentemente, ninguém quis ir comigo, então acabou que ele saiu de cartaz e nunca mais ouvi falar dele... até no começo desse ano, quando anunciou na TV por assinatura. Resolvi ver com minha mãe, mas ela não curtiu... E eu fiquei vidrada até o fim, mas confesso que fui dormir morrendo de medo.
   Kevin, ao mesmo tempo que é culpado, se torna vítima várias vezes, pois ele mesmo está dormindo enquanto o mundo pega fogo. James McAvoy brilhou divinamente no papel de Kevin. Eu só tinha visto seu trabalho mesmo em X-Men. Mas não conhecia os outros filmes dele.


Fragmentado
Foto: Divulgação

   Aqui ele mostrou que realmente atua e muito bem. Com tantas personalidades, em apenas um piscar de olhos ele te convence que é um menino de 10 anos, uma mulher que ama facas, um estilista gay e diabético, e um cara com TOC de limpeza... só nos primeiros 10 minutos de filme! Não apenas ele, mas as meninas que foram sequestradas deram um show de atuação. Com elas eu sofri, torci para que se dessem bem no final e chorei por elas.
  Mas eu não curti algumas coisas que aconteceram. Infelizmente, se eu tocar no assunto, vou acabar dando spoiler, se é que já não escapou algum... (rsrsrs). O filme tem a intenção de te assustar e consegue facilmente. Ele trata também dos fatos que fizeram certas personalidades surgirem em Kevin, então temos assuntos fortes, como abuso infantil, violência e outras coisas, todas tão intrincadas, que te apavoram do início ao fim.
   Só não curti mais porque achei que algumas coisas ficaram jogadas, especialmente no final. A impressão que tive é que ficaram pontas soltas, sem muito sentido para tudo o que estava acontecendo no cativeiro. Não sei se a ideia era deixar em aberto mesmo, ou se foi falha. Mas sei que tem continuação dele, Vidro, que estreou ano passado. Apesar de curiosa, preciso me preparar psicologicamente para assistir esse filme depois.


Vidro
Foto: Divulgação

   Vocês já tinham visto esse filme? Curtem filmes assim? E me contem também, gostam de postagens assim, ou preferem que continue a lista dos últimos filmes que vi?
   Até mais! 😉


14 comentários:

  1. Oi Hanna! Amei a indicação e já quero assistir! Pena que no final ficaram pontas soltas, mas mesmo assim entrou para minha lista de filmes a assistir. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Karla, então, as pontas soltas são porque tem explicação em 'Vidro', o filme mais recente. Espero conseguir assistir em breve.
      Bjks e obrigada pela visita! =)

      Excluir
  2. Assisti esse filme e gostei muito! Realmente ficam algumas coisas sem explicação, e adianto que no outro filme, "vidro" explica um pouco e também te prende do começo ao fim, é muito bom!
    Beijos
    http://momentoseoutrascoisas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jade, espero conseguir ver esse filme em breve, pois realmente fiquei bastante curiosa, viu?
      Bjks e obrigada pela visita!

      Excluir
  3. Quero MUITO ver esse filme, uma pena ter ficado algumas pontas soltas no filme, confesso que isso me desanimou um pouco!

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kaila, o filme é muito bom, recomendo, mesmo que fiquem algumas coisas faltando. Pelo que entendi, vale a pena ver 'Vidro' também, para entender as pontas soltas. Espero conseguir.
      Bjks!

      Excluir
  4. Eu achei esse filme muitooo legal!
    Não achei tão chocante assim, mas é sim muito bem feito e complexo, adoro filmes assim!
    Também ainda não vi Vidro, mas tá na minha lista pra ver haha.
    Sabe que tem aquele filme Corpo Fechado né? Também tem a ver com o Vidro.

    https://www.heyimwiththeband.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Val, eu fiquei sabendo também. Acho que 'Vidro' na verdade explica coisas dos dois filmes. Mas devo assistir 'Corpo fechado' antes para entender todas as explicações de 'Vidro'. ^^
      Bjks!

      Excluir
  5. Oi Hanna :)
    Já ouvi falar muito deste filme, mas nunca cheguei a assistir, apesar da curiosidade. Agora com a sua indicação fiquei com imensa vontade de assistir. Obrigada!
    Beijo
    Mundo da Fantasia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga. Se der, veja os outros também, Corpo fechado e Vidro. Eles vão te explicar bastante coisa. ;)
      Bjks e obrigada pela visita! =)

      Excluir
  6. Oi Hanna, adoro posts de resenha e dicas de filmes. Esse filme é muito bom! Demais. Eu acho que as pontas soltas no final foram para deixar a linha para o próximo filme.
    beijos
    Chris
    Inventando com a Mamãe / Instagram  / Facebook / Pinterest


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chris, entendi isso depois também, do lance da continuação. Espero conseguir ver o desfecho em breve. ^^
      Bjks e obrigada pela visita!

      Excluir
  7. Ai mdsss!!! Não sei nem explicar meu amor por esse filme hahaha Já assisti todos, também super recomendo, fora que não tem nem o que falar sobre esse elenco maravilhoso né!!!

    Deetz Blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente o elenco é incrível! Não tenho palavras para descrever melhor esse povo!
      Bjks!

      Excluir

Muito obrigada pela visita e seja sempre bem vindo ao Mundinho da Hanna.
Ficarei imensamente feliz com seu comentário, desde que:
- Não contenha palavras de baixo calão;
- Não seja span.
Os comentários costumam ser respondidos nos finais de semana. =)
Bjks!

© Mundinho da Hanna | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.
Topo