Amantes das séries: Desventuras em Série

em 21 fevereiro 2019

   Olá meu povo, como estamos? Hoje vou falar sobre uma série que eu não dava nada por ela, mas acabei gostando e to quase terminando de ver todos os episódios.


Desventuras em série
Foto: Divulgação


   Sim, estou falando de 'Desventuras em série', uma série curtinha, com três temporadas apenas, adorada por alguns e odiada por outros... mas que acabou fazendo um sucesso inesperado na Netflix. 💓





Desventuras em série



Os órfãos Baudelaire são três irmãos muito inteligentes; Violet é a mais velha, Klaus é o irmão do meio e Sunny é a mais nova, com três anos. Quando seus pais morrem, eles passam a morar com diferentes tutores, e o primeiro é Conde Olaf, que irá tentar roubar a enorme herança deixada pelos pais.

   Violet, Klaus e Sunny são os filhos do casal Baudelaire, uma família rica e muito inteligente. Um dia, enquanto os filhos estavam fora de casa, um incêndio misterioso supostamente mata os pais Baudelaire e os três órfãos precisam de novos tutores. Assim conhecemos o conde Olaf, um ator sem talento algum, mas que se sente o tal, que se propõe a tomar conta das crianças. Mas o que as crianças não sabem é que elas estão prestes a enfrentar, literalmente, desventuras em série. 
   Olaf se finge de parente distante, mas o que ele sempre quis na verdade era colocar as mãos na fortuna dos Baudelaire. Mas como as próprias crianças só podem usar a fortuna quando Violet completar 18 anos, ele não pode fazer nada até lá... Ou será que pode? Inventando milhares de jeitinhos aqui e ali, o vilão e sua trupe de atores de teatro fracassados (e um bando de puxa-sacos também, diga-se de passagem), sempre arranjam um jeito de passar a perna nos órfãos.


Desventuras em Série
Foto: Divulgação


   Mas por sorte, ou não, os irmãos foram bem educados e são bastante inteligentes, assim como seus pais. O que os ajuda a se safarem das falcatruas de Olaf. Mas como ele não desiste nunca, são três temporadas inteiras de perseguição e planos "infalíveis" do conde, que não desiste nunca de tentar ficar rico roubando a fortuna dos outros.
   Nessa perseguição, os irmãos Baudelaire vão parar em outras casas, guiadas pelo banqueiro da família, que ainda nãos sei o que ele faz ali na verdade... Sério, o cara é tão atrapalhado que nunca enxerga os disfarces mal feitos de Olaf e tem uma tosse que beira tuberculose... Todo mundo passa a perna nele, inclusive sua secretária, que tem mais coisa a ver com os pais dos órfãos do que se imagina.
   Isso porque, supostamente, os pais dos Baudelaire são membros de uma organização ultra, mega, power secreta, e todos os "tios distantes" das crianças eram na verdade amigos do casal. Eles vão aparecendo no decorrer dos episódios, enquanto Olaf tenta de toda forma rouba as crianças.
   A série não é para ser de grandes efeitos especiais, isso já vemos logo nos primeiros episódios. Ela é assim mesmo, de propósito. A série é bem previsível, mas você acaba vendo mesmo assim, por conta dos personagens mesmo.


Desventuras em Série
Foto: Divulgação


   Violet é a irmã mais velha. Ela tem um dom incrível para inventar coisas e sempre que prende o cabelo com uma fita, sabemos que ela vai salvar os irmãos de alguma forma. Klaus é o verdadeiro bookworm. Ele sabe a definição de uma pancada de coisa e sempre fala como se fosse um dicionário. E a Sunny é o bebê, muito fofo por sinal com seu penteadinho simples. Acho incrível que por onde eles passem, seja internato, presídio ou fábrica, sempre tem um uniforme de bebê para a pequena. Além disso, o bebê tem dentes mais fortes que eu e derrota qualquer obstáculo a base de dentadas... E fora as tiradas que ela tem, com linguagem de bebê, mas que todo mundo entende que ela fala frases completas... ou quase... (rsrsrs
   Os episódios são relativamente longos, com cerca de 50min cada, mas é preciso prestar atenção em cada detalhe, para não perder  desfecho final. Outra coisa que achei legal foi que a música de abertura aparece no início de cada episódio, mesmo que você veja vários seguidos.
   Isso por que a própria música de abertura só é igual no refrão, enquanto o restante da música conta um resumo do que esperar do episódio novo. Tudo em forma de notícias de jornal, o Pundonor Diário, que todo mundo lê na série, e no fim, sai como se fosse um diorama de teoria da conspiração. O que na realidade é mesmo... tudo conspira para que os Baudelaire sofram e fiquem infelizes. 





    E sim, sempre que a gente pensa que os órfãos finalmente irão se livrar de Olaf e seus capangas, começa tudo de novo e de novo... A própria música de abertura nos recomenda que "é melhor não olhar", pois são infelicidades atrás de infelicidades nessa família que só queria entender o que aconteceu com sua casa e seus pais. Mas vão descobrir muito mais do que esperavam, e ainda não quer dizer que serão felizes... 
   Todos os episódios tem um toque de humor negro no meio, mas nada tira o principal, que é o sofrimento e todas as desventuras dos irmãos Baudelaire
   Para quem não sabe, Desventuras em série é na verdade uma série de contos, escritos por Daniel Sonnefeld, que usa um pseudônimo de Lemony Snicket, que é ninguém mais, ninguém menos, que nosso narrador na série da Netflix. E, mais ainda, os livros já foram adaptados para as telonas em 2004, com Jim Carrey no papel de Olaf
    


Desventuras em Série
Foto: Divulgação

   Vocês já viram a série? E o filme? Qual gostam mais? Eu devo dizer que cada um tem sua peculiaridade, mas gostei mais da série.
    Até mais!



2 comentários:

  1. Oie.
    Eu ainda não vi a série mas com certeza pretendo fazer isso quando estiver completa. Sempre fico impressionada ao ver como a essa atriz se parece com a Emily Broowning que fez a primeira Violet.
    Gostei bastante de saber sua opinião.
    Me deixa mais animada.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessica, então, a série está completa já. Ela foi bem criticada no início e teve apenas três temporadas mesmo. Aí você pode ver tranquila que já tem o desfecho final. ;)
      Bjks e obrigada pela visita! =)

      Excluir

Muito obrigada pela visita e seja sempre bem vindo ao Mundinho da Hanna.
Ficarei imensamente feliz com seu comentário, desde que:
- Não contenha palavras de baixo calão;
- Não seja span.
Os comentários costumam ser respondidos nos finais de semana. =)
Bjks!

© Mundinho da Hanna | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.
Topo