21 novembro 2016

Amantes dos Animes: Aijin

   Olá meu povo! Como estamos? Hoje passei aqui para falar de um anime muito legal que acabei de assistir. Vem ver! =)








   Então, imagina se de repente você assiste um jornal ou lê um artigo científico, nos qual fala de pessoas que simplesmente “não morrem”... Isso mesmo... você pode atingir a pessoa dos modos mais violentos possíveis, e várias vezes, que ela não morre... E a explicação está nos genes...
   Não tô falando de Highlander nem de X-Men. Estou falando de Aijin. Os Aijins não são considerados humanos pelos cientistas, mas monstros que se misturam entre os seres humanos e estão aqui para nos destruir. Na história, os Aijins são capazes de viver entre os seres humanos, porque nascem de forma semelhante e tem as mesmas necessidades de alimentos, fisiológicas... e só descobrem sua verdadeira natureza quando morrem... ou melhor... quando ressuscitam de mortes violentas.
   Como ainda estão sendo feitas pesquisas para saber quando e como os Aijins surgiram, ainda existem poucos reconhecidos no mundo, cerca de 40. Mas se são tão poucos Aijins no mundo e eles vivem misturados entre os humanos, o que tem de tão errado nisso? Bom, tem alguns laboratórios que querem saber até onde vai essa “imortalidade” dos Aijins e, logicamente, precisam saber o potencial para remédios e bélico... Imagina nunca mais precisar usar ratos ou cachorros como cobaias em laboratório, porque você tem um ser imortal pra testar todas as drogas possíveis e impossíveis. E o que dizer de soldados que não morrem?
   Porém, os Aijins acabam por se rebelar, afinal, eles podem ser diferentes, nem eles entendem direito de suas capacidades. Mas isso não quer dizer que eles vão se sujeitar a exames crueis em laboratório. E daí começa uma guerra entre Aijins e humanos...
   Eu conheci esse anime por causa do meu amigo Johann, o louco dos animes, que sempre chega no laboratório e diz ‘Hanna, você precisa ver essa anime aqui!’ (rsrsrs) E geralmente ele acreta, porque eu acabo viciando nos animes que ele me indica (rsrsrs)...
Aijin, até onde eu sei, tem 13 episódios na primeira temporada (agora, por causa do sr. Johann vou ficar aqui ansiosa até sair os próximos episódios), que contam o início da guerra. 
   Não sei quando verei os próximos, mas super recomendo o anime. Vale muito a pena assistir. A abertura tem um karaokê esperto (rsrsrs) e é bem animada. Além disso é um anime que faz a gente pensar um pouco a respeito do que somos capazes de fazer quando lidamos com algo diferente... será que somos mesmo tão egoístas assim a ponto de não ligarmos pro sofrimento alheio?







   Então pessoal, era essa a postagem de hoje. Espero que tenham gostado e até a próxima! =)


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Muito obrigada pela sua visita! Você é sempre bem vindo(a) aqui no Mundinho! =)
Agora, para finalizar sua passagem pelo meu cantinho, que tal deixar um comentário? Garanto que não vai demorar! ;)
Bjks!