04 abril 2017

IDY de Março: Viagem Fantástica

   Olá meu povo, como estamos? Hoje é dia de resenha no Mundinho da Hanna. E o livro da vez é tema de março no IDY (não sabe o que é? Então clica AQUI). O livro de março era Ficção Científica e o livro escolhido foi Viagem Fantástica, de Isaac Asmiov. Quer saber o que achei? Então vem ver! 😌










Livro: Viagem Fantástica


Autor: Isaac Asimov


Editora: Edições Bloch 


Ano: 1967


Sinopse:

"Um submarino é reduzido ao tamanho microscópico e introduzido no corpo de uma pessoa, a fim de destruir um coágulo sanguíneo. Nesta obra o homem se aventura numa viagem dentro do seu próprio corpo: artérias, coração, capilares, pulmão, cérebro... Viajamos dentro de nós mesmos, invadimos um mundo que até então pensávamos ser algo já descoberto, sem maiores atrativos."

   E estamos na década de 1960... E um cientista conhecido no mundo inteiro é convocado para se apresentar junto ao militares de alto escalão do Exército americano. Um agente da CIA também é convocado para escoltar o cientista até a base. Ninguém sabe o motivo de ter sido convocado... muito menos Grant, o agente da CIA, sabe o porquê deve estar junto do cientista... 
  Mas ao chegarem em terra, o pobre cientista é vítima de um atentado e fica entre a vida e a morte. Os poucos seguranças que restam o levam até a base onde era esperado e, então, tentam salvá-lo... porém de uma forma muito, muito pouco convencional...
  E cirurgia para acabar com o coágulo no cérebro do cientista será feita de dentro... Isso mesmo... de dentro! Eis que os militares possuem uma tecnologia capaz de miniaturizar tudo ao tamanho de uma bactéria, ou ainda menor que isso... Tudo mesmo! 
   E as cobaias para o teste em humanos serão exatamente Grant e o cirurgião responsável pela operação que salvará (ou pelo menos tentará salvar) o pobre cientista moribundo... Mas não podem ir a pé. Logo temos uma equipe que também irá com eles, pilotando um submarino e ajudando na missão... que pode ser suicida pensando bem... 
  Aos corajosos (ou loucos) que aceitaram, foram miniaturizados ao tamanho de uma bactéria, injetados junto com o submarino na corrente sanguínea do doente e assim começaram sua jornada... 










"Espero que esteja preparado para a mais invulgar experiência de sua vida. Ou da vida de um ser humano."


   E lá se foram em meio às hemácias, glóbulos brancos, plaquetas em busca do coágulo. Passaram pelo coração, pulmão e tantos outros órgãos. 
  Eu sou bióloga, então tenho uma noção mais detalhada de como funciona o corpo humano, por ter estudado em Histologia, Bioquímica, Anatomia, Fisiologia... Mas cada área vê os órgãos de uma forma diferente e separada... Agora ver tudo isso junto, e de dentro, seria sensacional! 
  Todo contato que temos é baseado no que vimos através de microscópio ou vídeos, mas o que você faria se tivesse a chance de ver como um corpo humano funciona com seus próprios olhos e, além disso, você presenciasse as células defendendo seu corpo contra invasores, você visse um pulmão no ato da respiração, as trocas gasosas... Tudo?! 😍
   Mas não apenas isso... Grant também foi enviado no submarino, mas ele não entende de ciência, apenas de missões e de buscar e capturar espiões... Pois é, em meio a todas as maravilhas havia também um espião. Afinal, o que seria do mundo se essa tecnologia caísse em mãos erradas?! E tudo (cirurgia, investigação, exploração), dentro de uma hora! Era o tempo máximo que eles tinham para ficar dentro do corpo miniaturizados...


"Temos um milagre tecnológico capaz de transformar o mundo, e só existe um punhado de homens em condições de entendê-lo. O cérebro do homem está escapando ao controle do homem."


   Então além de toda a descrição do copo humano com a visão de Asimov, temos também um toque de adrenalina, com ação, suspense e uma revelação que eu não esperava... Bem típico dele... Eu escolhi esse livro exatamente por ter sido obra de Asimov, só o cara que é lembrado até hoje por ser um ícone do Scifi mundial... E eu sou louca apaixonada pelos livros dele. E ainda acho incrível como livros escritos e idealizados na década de 1950/60 podem ter ideias ainda tão atuais... (se ainda não leu os livros dele, não sabe  que está perdendo...). 
   Para quem não sabe também, Viagem Fantástica foi um livro feito sob encomenda. Pois é... Asimov escreveu o livro já com a finalidade de ser um roteiro de filme, que foi para as telonas em 1966... Mas ele não curtiu muito o que ele tinha para escrever, por isso ele escreveu depois o Viagem Fantástica II, como uma liberdade maior e mais cara de Isaac Asimov... E que nem preciso dizer que estou doida pra ler também... 😃







   Ao ler esse livro também, sempre tinha em mente um desenho que amava ver quando criança e que foi um dos responsáveis pela minha escolha profissional... O ônibus mágico. Toda vez que via o desenho eu queria entrar naquela aula de Ciências e participar das aventuras que a professora levava os alunos dentro do corpo humano também, vendo células lutando contra microrganismos, vendo tecidos sendo formados, trocas gasosas, digestão... Era uma maravilha e que me deixa muito saudosa... Não sei se o livro também foi influência para o desenho anos depois, mas a ideia era semelhante... viagem dentro do corpo humano e ver o funcionamento dele... 




    Voltando ao livro, Asimov soube com maestria guiar seus personagens até o ápice da história. É um livro curto, que li até bem rápido, com linguagem um tanto diferente do habitual dele, pois tinha termos mais familiares aos biólogos e áreas afins. Mas ele soube driblar o desafio  muito bem e o livro tem um final surpreendente, que super recomendo.  
   Minha nota para ele é a quase máxima, pois ainda quero ler o II para saber o que ele escreveu de mais surpreendente em relação ao primeiro. Por ser um livro antigo, é bem fácil encontrar ele em pdf, aliás foi o formato que li. E, não ignorem por ser antigo. Os clássicos te surpreendem, pode crer! 😏


    Bjks e até mais! 







   







    

3 comentários :

  1. Oi, Hanna! Pareceu-me uma ótima pedida para pessoas formadas na sua área, com tantos glóbulos brancos, órgãos e outros detalhes da Biologia. Fiquei curiosa pelo filme, vou procurar para assistir.
    Beijos!

    Karla Samira

    ResponderExcluir
  2. Oi! Adorei a indicação de um clássico da literatura sci-fi! Vi esse filme quando pequena, e lembro de ter visto vários outros desenhos infantis que faziam referência. Eu tinha até uns livrinhos sobre o corpo humano com os glóbulos brancos, vermelhos etc personificados, rsrs.

    Adorei o post e obrigada pela sessão nostalgia.

    Ah, e Asimov é o cara mesmo.
    Beijo!
    Metamorphya••• Participe do Sorteio de 1 Ano do Blog!

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bem? Encontrar clássicos é muito bom, ainda mais quando são histórias tão diferentes das habituais, as quais não estamos acostumados. Confesso que não conhecia o autor e fiquei curiosa pelo enredo. Livros e filmes futuristas nos tiram da zona de conforto e ampliam nossa mente. Gostei muito da resenha. Beijos, Érika ^.^

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Agora deixe uma blogueira feliz, comente, compartilhe e seja sempre bem vindo no Mundinho da Hanna! =)