Resenha: A Beleza do Amor

em 28 setembro 2017

   Olá meu povo, como estamos? Hoje estou aqui com uma resenha do livro de mais uma autora parceira que o Mundinho ganhou esse ano. 
   O livro se chama 'A Beleza do Amor', da autora M. Castro, vem ver! 😉

A Beleza do Amor

Foto: M. Castro




Livro: A Beleza do Amor

Autora: M. Castro (independente)

Ano: 2017

Sinopse:

"Vivian é uma adolescente acima do peso que sempre teve dificuldades de se relacionar com outras pessoas. Tornou-se alvo de Bullying na escola e diante as brincadeiras e julgamentos quanto ao seu peso, além do medo da rejeição, ficou mais retraída e fechou-se em seu próprio mundo. Sua única companhia era sua melhor amiga, Isadora. Ambas tinha tanto a aparência, quanto personalidades diferentes e era o que mantinha o equilíbrio daquela relação. Loira, alta e magra, Isa sempre fora segura de si e chamava atenção de todos, mas escondia um segredo que apenas Vivian sabia."

    Vivian e Isadora são amigas desde a infância, fazem tudo juntas, inclusive estudam na mesma escola. Estão agora no último ano do Ensino Médio, adolescentes, fazendo mil planos para o futuro da vida perfeita... bom... pelo menos Isadora está... para ela a vida é um mar de rosas e tudo gira em torno dela. Loira dos olhos azuis, magra, linda, com todos os rapazes aos seus pés, popular na escola... O que poderia dar errado em sua vida, ainda mais quando ela vai numa das festas mais badaladas e volta nas nuvens, por ter ficado com o cara mais cobiçado do time de basquete da escola?!
   Enquanto isso, Vivian, a amiga "gordinha" de Isadora, faz de tudo para agradar a amiga... engole sapos, ouve os martírios e encobre todas as besteiras que sua melhor amiga inventa... inclusive se mete em enrascadas pela amiga, que "quer que ela seja feliz"... Mas para Isadora, ser feliz queria dizer ter alguém, não importam as circunstâncias, apenas tenha alguém e será feliz eternamente.
   Mas as duas sofrem bons bocados... Isadora, apesar de ser linda, loira e cobiçada, esconde um segredo que apenas Vivian tem conhecimento: Bulimia. Mas... ao contrário de Isadora, que tem seu segredo mantido a sete chaves, Vivian sofre Bullying constantemente e abertamente por um dos integrantes do time da escola... tudo por ser "acima do peso e feia"... Isso é tão constante e Isadora quer tanto que sua amiga emagreça para ser bonita como ela, que a mocinha acaba acreditando mesmo que é feia, só porque é diferente as meninas da escola, e por isso ninguém pode nem quer ficar com "alguém como ela".

"Eu estava com meus fones de ouvido, totalmente distraída no meu serviço, tentando não pensar mais uma vez naquela cena de segunda feira, mas a verdade é que aquilo tudo me incomodava até hoje. Isso foi o ponto alto para que eu me escondesse do mundo e me colocasse no devido lugar. Eu não pertencia àquele mundo de caras bonitos e meninas gostosas e tinha que aceitar isso."


   Mas o que Vivian não sabe ainda é que muita coisa ainda está para acontecer em sua vida, que serão divisores de águas para tudo o que ela acredita... Quando Isadora chega apaixonada por Yuri, o loiro também mais cobiçado da escola, o rapaz faz amizade com a melhor amiga de sua ficante (que insiste em dizer que é namorada), principalmente com a missão de fazer com que Vivian saia de sua ostrinha e enfrente seus fantasmas.

"[...] teu sorriso é tão lindo cara. Você não precisa se esconder do mundo, só porque eles estabeleceram um padrão, cujo você não se encaixa. Se todo mundo te conhecesse  a fundo, descobriria que você é uma menina tão mais interessante do que qualquer uma daquelas líderes de torcida."
   Por causa dessa amizade entre os dois, que se torna mais sincera do que a menina pensava ter com Isadora, as fofocas começam a acontecer pelos corredores da escola e logo começam as crises de ciúmes, as intrigas, os sofrimentos... e o inferno na vida de Vivian apenas aumenta... principalmente quando o segredo de Isadora chega aos ouvidos de Yuri e ele começa a repensar algumas coisas... E é aí que tudo começa a mudar...
   Bom, apesar de saber que existe Bullying, transtornos alimentares e afins, eu nunca havia lido um livro que tratasse disso. Eu devo dizer que sofri bastante com a Vivian, que engolia tudo calada, até o dia em que ela simplesmente explode e tudo vira um furacão na vida dela... Tinha momentos em que pareciam se arrastar no livro, mas depois quando foi explicado o lance da depressão (sim, a Vivian também sofre depressão por causa do Bullying), eu pude me colocar no lugar dela... principalmente quando as pessoas em volta falam que o que elas sofrem são "coisa da cabeça dela", "bobeira", etc. Não são... Depressão é coisa muito séria, e eu digo isso porque quase entrei em uma... e é muito difícil conseguir sair dela... E a M. conseguiu definir isso muito bem.
  O livro é dividido pelas visões de Vivian e do Yuri... então temos a versão do cara mais cobiçado da escola, de vida perfeita e futuro brilhante, amarrado num mundo de aparências, onde as pessoas que são perfeitas, na realidade podem ser mais podres que chegam a assustar. E também temos a versão de Vivian, que pensa viver em um mundo que não foi feito para ela.
  Isadora quer porque quer viver nesse mundinho perfeito onde a meta de vida é ter um namorado lindo e uma amiga que na real só serve como saco de pancadas emocional, já que apenas os problemas dela importam, e os de Vivian são pura besteira e não perecem atenção. Ela pensa tanto no corpo e no que as pessoas vão falar, que faz de tudo para ter um corpo invejável, ao ponto de ter a saúde prejudicada seriamente. Chega a ser tão chata, que sinceramente me dava nervoso de ler as páginas com seus diálogos fúteis. A menina era tão egoísta que me dava arrepios...
   Junior, o rapaz que incita o Bullying contra Vivian, chega a ser tão cruel com a garota, apenas para esconder o seu interesse pela menina (o que nunca foi, nem nunca será justificativa para isso), mas "só faz isso porque as meninas que vivem agarradas aos integrantes do time o zoavam por estar a fim da gordinha". E Vivian é quem mais sofre, mas teve partes em que me irritei com ela também, pois quando tudo estava em sua cara mostrando uma coisa, ela fugia porque colocava na cabeça que tudo estava contra ela... Foi preciso muito apoio para ela poder se tocar que a beleza está aos olhos de quem vê...

"Minha felicidade não depende de eu ser magra ou gorda, não depende de ter um garoto do meu lado, um namorado, ou qualquer um só para mostrar que consigo ter alguém." 

  E cá entre nós, meio que eu entendo a Vivian... Apesar de na minha foto de perfil eu ser magrinha, quando criança/adolescente eu era acima do peso também e sofria muito na escola. Ninguém queria ficar perto da "gordinha", era sempre a "fortinha", a "cheinha", a que encobria as coisas para as amigas "magrinhas e bonitinhas". Sim, porque os meninos chegavam nelas, em mim era só para não ficar segurando vela, já que "alguém tinha que fazer o sacrifício com a amiga gordinha=feia". Apesar serem palavras duras, era isso que eu ouvia e muito quando mais nova. Não, eu não emagreci porque fiz dieta para agradar a sociedade, emagreci por fazer parte do meu metabolismo mesmo e meu esporte ajudou um pouco no processo... Mas posso dizer que entendo o que Vivian passava no livro e me fez lembrar dessas coisas nada agradáveis pelas quais passei...
   Para me compensar, eu li as partes em que a Vivian se descobre como mulher (sim, o livro tem um toque hot), principalmente quando resolve assumir seu amor pelo menino que ela julgava ser inalcançável por ela. E depois quando ela descobre a depressão e a enfrenta, foi maravilhoso ler sua vitória...
  Se tem final feliz? Posso dizer que tem sim... Com quem? Leia o livro e descubra! 😋 Mas posso dizer que Vivian descobre que tem mais gente a fim dela do que poderia imaginar algum dia... (rsrsrs)
  Além disso, o livro mostra tudo isso diante da realidade de mentes adolescentes, que estão apenas descobrindo a vida ainda, mas por quererem tanto o sucesso desde cedo, podem ter graves consequências, tudo para ser popular... Ninguém ali naquela escola era o que parecia ser... E na vida real... perfeição também não existe... Todos somos diferentes, somos magrinhos, gordinhos, baixinhos, altinhos... ai de nós se todos fossem iguais! Pena que nem todo mundo pensa dessa forma... por mais que se pregue tanto a igualdade, o respeito, ainda existe um padrão de beleza imposto pela sociedade e quem está fora dele deve ser excluído. Isso não deveria acontecer... No livro a Vivian consegue driblar a situação, mas e quantas outras pessoas em seu lugar estão pensando até hoje que não se encaixam em lugar algum, que nunca serão "dignos de ter alguém", só por estarem acima do peso, por não se julgarem "apresentáveis" para o mundo?!
  É um livro de superação, que te faz pensar... e que super recomendo... não por ser minha autora parceira (por isso seria beeeeem suspeita para falar, rsrs), mas recomendo porque me fez pensar e repensar sobre muitas coisas, pelas quais passei e felizmente superei, mas que muita gente ainda enfrenta, e outras pensam que é besteira... quando na realidade são bem mais sérias e podem até matar...
  E... falando sobre nossa autora parceira... Vamos ver quem é M. Castro! 😉


M. Castro

Foto: Creative Commons


"Sou M. Castro, sou formada em Administração de Empresas, trabalho nessa área, mas desde os 16 anos minha paixão era "criar" histórias. Comecei escrevendo um diário virtual para aliviar minha mente dos problemas. Aos 18 anos conheci a escritora inglesa Agatha Christie e me apaixonei por suas história. A partir de então conheci outras escritoras, principalmente romancistas e não parei mais de ler. Há 8 anos tive meu filho e fiquei 5 meses em casa de licença maternidade, então com certo tempo disponível fui em busca de livros virtuais e acabei achando comunidades no Orkut que disponibilizavam "webnovelas". Eu não tinha conhecimento nessa área e mal sabia do que se tratava, mas como uma boa geminiana - que abastece informações e cria sua própria tese - eu comecei a ler as histórias e a escrever com desfechos da forma que eu queria. Depois disso não parei mais de escrever e aos poucos fui me aperfeiçoando. Fui estudando sobre formatação, criação de personagens, fichas, personalidades, criando cronogramas, aperfeiçoando o português... Até estar preparada para me lançar na Amazon."

Obras publicadas:

Livros de M. Castro

Foto: M. Castro/Amazon


Sem Legenda #1

A Beleza do Amor

Pecado Inocente

Em Dose Dupla

   E não para por aí! 'Sem Legenda' é o primeiro livro de uma duologia, lançada recentemente pela autora, e já está em minhas mãos. Então preparem-se para a próxima resenha e parceria com M. Castro! 😉
   Já conheciam M. Castro? E os livros dela? Me contem aí!
   Até mais!




9 comentários:

  1. Hanna ♥
    Que resenha mais amorzinho ♥
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas já amei.
    Meio que me identifiquei com a Vivian pelas características dela. Não sofri tudo o que o que ela sofreu, mas tenho uma ideia de como é.
    Quero muito ler esse livro e saber tudo o que vai acontecer ♥
    ótima sexta
    bjo

    Tati C.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que curtiu Tati! Garanto que vai curtir ainda mais a leitura! =)
      Bjks e obrigada pela visita!

      Excluir
  2. Olá Hanna
    Simplesmente amei sua resenha!
    Temas como bullying e depressão são não só atuais como atemporais.
    A importância de se debater e conscientizar sobre as consequências
    é fundamental para formar cidadãos mais "humanos".
    Sempre achei a diversidade maravilinda, afinal o igual a gente já conhece né?
    Fico estarrecida com a intolerância e crueldade contra tudo que não se encaixa em padrões, ainda nos dias atuais.
    Fiquei apaixonada pelo fato da autora conduzir a trama com delicadeza e apresentar superação não como final feliz, mas como meio de autoconhecimento.
    Vai para a lista dos desejados.
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Que bom que curtiu Luli! Que a leitura te agrade também! Bjks e obrigada pela visita! =)

      Excluir
  3. Acho que não ando mais no clima de drama adolescente... Quando a gente cresce, a gente percebe que passamos a olhar livros assim de um jeito totalmente diferente, principalmente por conta do tema. Não é racional alguém sofrer bullying por estar fora do peso. E adolescentes são tão chatos, só sabem criticar a aparência e atitudes dos outros. Até esses personagens perfeitinhos me irritam, porque a gente sabe que na vida real eles nem existem. Mas achei bacana a autora criar duas personagens tão opostas que, de alguma forma, se dão super bem e lidam cada uma com seu próprio sofrimento. Espero que ambas tenham um final feliz!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom... a parte do final feliz deixo a cargo de quem vai ler o livro... rsrsrs
      Bom, é questão de gosto mesmo a leitura... e eu respeito o seu... =)
      Bjks e obrigada pela visita!

      Excluir
  4. Oi Hannah
    Nào conhecia esse livro ,mas ele ja me conquistou.
    Eu nuca fui gorda ,na verdade sempre fui uma tripa ambulante mesmo ,mas entendo um pouco ela também.


    Beijos
    Meu mundinho quase perfeito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Babi... até as magrinhas sofrem um preconceito por serem magras... incrível como a sociedade nunca está satisfeita, né? Prefiro não ligar muito para ela e ser do meu jeito... rs
      Bjks!

      Excluir
  5. ooi flor parabens pela resenha a historia achei muito bacana envolvendo varios temas
    BLOG♥ Coisas da Vida

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e seja sempre bem vindo ao Mundinho da Hanna.
Ficarei imensamente feliz com seu comentário, desde que:
- Não contenha palavras de baixo calão;
- Não seja span.
Os comentários costumam ser respondidos nos finais de semana. =)
Bjks!

© Mundinho da Hanna | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger.
Topo