23 junho 2016

IDY 2016: Livro de Junho

Olá pessoal! Como estamos todos? Hoje vim fazer a minha participação no IDY 2016. O tema de junho é Livro Nacional e o livro escolhido foi A Aposta, de Vanessa Bosso. Vem ver! =)





Livro: A Aposta

Autora: Vanessa Bosso

Ano: 2013

Via Láctea

Sistema Solar

Planeta Terra

América do Sul

Brasil

São Paulo

Colégio Prisma

Segundo andar...

Uma viagem de formatura. Uma aposta perigosa. Lex, o galinha do colégio, terá apenas sete dias para derreter o congelado coração de Nina, a garota que odeia quem use cuecas. Nina enlouquece quando descobre sobre a grande aposta do ano. E agora ela quer sangue: o sangue de Lex. Em meio a chantagens, intrigas, vinganças, diálogos ácidos, aventuras, romance e momentos hilários, as páginas desse livro entrarão em combustão espontânea. Quem sairá vencedor? Façam suas apostas. O jogo de sedução está prestes a começar



    E assim tem início a história de dois adolescentes, Nina Albuquerque e Lex Heinrich... tudo por causa de uma aposta. Imaginem suas vidas no Ensino Médio novamente, todo mundo na flor da adolescência (falo como se eu tivesse sido adolescente há décadas... hahaahhah). Pois bem, temos o de sempre, as meninas que querem ser as mais populares da escola e desejadas por todos os meninos dos corredores, a turma dos meninos que só querem zoar com os coleguinhas, os nerds que só querem passar nas provas e sobreviverem às zoações dos meninos da turminha... enfim... nada como a escola...
  Esse é o ambiente do Colégio Prisma, nada fora do comum. Mas os alunos, principalmente os meninos, tem uma mania de fazer aposta de tudo, TUDO mesmo. Inclusive são capazes de formar os pares com as meninas (sem que elas saibam, lógico) para ver quem consegue namorar por mais tempo com elas...
   Foi numa dessas apostas que meteram Nina Albuquerque, na qual o lindo, loiro, forte, sarado, idolatrado, Lex Heinrich deveria lhe arrancar um beijo... até aí, nenhum “problema”, afinal, Lex é um cara lindo e Nina também, o que teria de mais em um beijo? Mas o caso é que era a Nina, a menina linda, mas que virava um monstrinho quando qualquer rapaz se aproxima. Todos os caras tem medo da garota e resolvem lançar uma aposta para ver quem seria o corajoso que aceitaria arrancar um beijo daquele monstrinho de saias. Eis que Nina descobre da pior forma que seu nome circula pela turminha dos rapazes e que, logo o cara mais galinha do Colégio Prisma estava envolvido na aposta.
   E assim começa nossa história, com Nina e Lex brigando e brigando e brigando... Nina zangada por ser uma aposta, Lex zangado porque não queria entrar na aposta logo com a menina mais grossa da face da Terra, mas precisava da grana para consertar uma besteira antes que seu pai descobrisse...
   Briga vai, briga vem, Nina resolve lançar então uma aposta que deixa todos os meninos ouriçados: ela desafia Lex a se apaixonar por ela, coisa que ela jura de pés juntos que é impossível, mas quer ver se o cara mais sedutor do colégio vai recusar o desafio de ter mais uma menina em sua lista. Lex, é claro, aceita o desafio, afinal, tem uma reputação de “pegador” a manter e não será uma menina que vai fazê-lo se apaixonar assim... apostas lançadas e aceitas, a turma embarca então para a viagem de formatura na Ilha Innamorata, local também escolhido para ser o cenário do desafio dos dois.
Imagina como é a história de Lex, o cara mais sedutor do colégio tentando não se apaixonar pela menina mais linda do colégio, porém mais grossa. Como toda história de adolescente, tinha que ter uma menina querendo empatar o relacionamento que possa vir a acontecer, afinal, ela é mais popular da escola e quer porque quer ser a namorada do cara. Também como em toda história adolescente, essa “menina malvada” tem que ter um grupinho, as quais se chamam Kibi (que na língua dos alunos colégio, é uma abreviação para kibiscate, dá para imaginar o porquê)...
   É um livro curto, de linguagem simples e objetiva, mas bem divertido. Apesar de ser uma história de adolescentes, com cenas meio que previsíveis e um final meio que esperado, gostei bastante, pois é uma leitura leve. E a autora soube dosar bem as passagens dos personagens. A história é contada por um narrador e achei bem legal que ele meio que conversa com o leitor, meio que dando opinião nas cenas sabe?
  Ler esse tipo de livro é bom de vez em quando, pois relaxa a mente e faz a gente imaginar como seria um conto de fadas vivido no século XXI, onde princesas e príncipes encantados não existem, mas podemos ser a pessoa especial de alguém uma vez na vida pelo menos...

   Bom, essa foi a postagem de hoje. Espero que tenham curtido e até mais! =)


Um comentário :

  1. Nossaaaa, amei seu post Hanna. Já tinha ouvido falarem deste livro, mas não imaginei que fosse tão legal assim. Parece ser uma história e tanto, hen? Kkk já coloquei até na minha lista de leitura, num vejo a hora de ler e me aventurar neste casal que promete ❤

    Bjs da Nathy

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Agora deixe uma blogueira feliz, comente, compartilhe e seja sempre bem vindo no Mundinho da Hanna! =)