14 março 2016

IDY de março

Olá pessoal! Como estamos todos? Hoje passei aqui para deixar minha participação no IDY 2016 de março, cujo tema foi um livro escrito por uma mulher.
Vem ver! =)





Livro: O amor mora ao lado

Autora: Debbie Macomber

Ano: 2013

Editora: Novo Conceito

"Dessa vez ela seria mais esperta. Homens estavam fora de questão. Pela primeira vez, estava se sustentando. Pela primeira vez, não precisava de ninguém; porque poderia acontecer tudo de novo."

   Lacey Lancester sempre quis ser esposa e mãe. No entanto, depois de um divórcio bastante doloroso, ela decide que é hora de dar um tempo em seus sonhos e seguir sozinha mesmo. Mas não tão sozinha: sua gatinha abissínia, Cleo, torna-se sua companheira de todas as horas. Até que é uma vida boa_um pouco aguada, é verdade_a de Lacey. A não ser por seu escandaloso vizinho, Jack Walker.   Quando Jack não está discutindo, sempre em voz muito alta, com sua namorada_com quem insiste em morar junto_ está perseguindo seu gato, chamado Cão, pelos corredores do prédio. E Cão está determinado a conseguir que a gatinha Cleo sucumba aos seus avanços felinos. Cão e Jack são realmente muito irritantes.Mas acontece que a primeira impressão nem sempre é a que fica...


   Lacey é uma moça divorciada há 18 meses e decide muda radicalmente sua vida: emprego, cidade, tudo. Chega em São Francisco e começa a trabalhar numa empresa, onde é explorada pelo chefe e não tem coragem de pedir um aumento, pois toda vez que o encontra fica com medo e muda de ideia, embora sua amiga Jeane sempre diga que ela deve pedir o tal aumento.
Não bastasse isso, tem o Jack, um vizinho lindo de morrer, que mora ao lado, e vive discutindo com sua “namorada”.  Para Lacey a tal moça é uma sofredora, pois é tão linda, vive discutindo com o cara, mas continua com ele, mesmo que ele saia com várias outras moças descaradamente...
   Mas sabe como é... nem tudo é o que parece... logo Lacey descobre que vai ficar mais próxima de Jack, pois sua gatinha Cleo, no cio, acaba cruzando o Cão, o gato vira lata de Jack, e acontece o que já era epserado, Cleo vai ter filhotes em alguns meses... Lacey se irrita e tira satisfações, já não basta o vizinho ser bonitão e garanhão, o gato dele tem que ser também?!
   Jack ri ao deparar com a exigência de Lacey para que ele honre sua gata, mas de tão brava que Lacey fica, ele decide acatar e cuidar da gatinha. Assim começa o relacionamento que Lacey não queria... mas logo ela vê que tudo pode ser diferente, basta que ela dê uma chance e tenha coragem de encarar as decisões.
Ganhei esse livro ano passado pelo meu aniversário. Desde o início, me chamou a atenção a moça linda da capa com sua gatinha sentada no sofá. Fiquei logo curiosa, pois nunca havia lido nada dessa autora.
   O livro é fininho e a leitura é bem divertida e simples. Terminei em um dia (li a metade indo para a universidade e outra metade na volta, rs). Curti bastante conhecer uma história que tinha um gato como pivô de tudo. Foi uma abordagem um tanto diferente, já que todos os livros desse gênero acontecem com um encontro mirabolante, do casal se esbarrar nos lugares mais incríveis do mundo. Dessa vez, eram vizinhos, algo mais próximo do nosso cotidiano... (rsrs)
   Gostei bastante também do fato da autora ser objetiva com a história, só o final que não foi aquele típico “final feliz”, mas algo que deixou no ar a pergunta: ‘ué, acabou?!’ Quem ler vai saber do que tô falando...
   Mas me diverti com as ideias de Lacey, principalmente porque ela teve antes um divórcio conturbado, está magoada e só quem passou por uma situação dessas para saber o quanto doi...
   Super recomendo a leitura e foi um dos livros que li mais rápido até hoje... (o primeiro que li em 3 horas foi O sobrinho do mago – C.S. Lewis e O pequeno príncipe).
   Bom pessoal! É isso. Espero que tenham curtido e até mais! =) 


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Obrigada pela visita! Agora deixe uma blogueira feliz, comente, compartilhe e seja sempre bem vindo no Mundinho da Hanna! =)